Uma mulher trans, de 28 anos, foi algemada após ser impedida de utilizar o banheiro feminino em um shopping na região das Filipinas, na Ásia. O caso aconteceu na última terça-feira (13).

Ao tentar entrar no banheiro feminino, Gretchen Diaz foi abordada por uma funcionária do local que tentou direcioná-la para o masculino. Recusando-se a entrar no banheiro que não correspondia a sua identidade de gênero, Gretchen começou a filmar o constrangimento.

Pouco tempo depois, a zeladora acionou a equipe de segurança do shopping para conter a situação. No entanto, o caso ficou mais grave e a polícia local foi chamada para retirar a mulher do local algemada.

A funcionária chegou a ameaçar prestar queixa contra Diaz por tê-la filmado sem autorização. Porém, através de uma carta, ela se desculpou e disse estar “aprendendo sobre os direitos LGBT”.

Gretchen Diaz não moverá ações contra a zeladora, mas processará o shopping por não saber lidar com situações como essa.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

Vale ressaltar que, nas Filipinas, a transfobia é um crime. A prefeita da cidade onde o fato aconteceu se pronunciou publicamente e disse que “a cidade proíbe todas as formas de discriminação e protege e respeita a dignidade e os direitos humanos de todos, especialmente da comunidade LGBT+”.