Londres faz história e será a primeira cidade do Reino Unido a abrir uma comunidade para aposentados LBGTQIA+. Na última terça-feira(02), a capital da Inglaterra anunciou a organização de uma promoção de habitação para este grupo. Para financiar a medida, a cidade solicitou um empréstimo milionário ao conselho municipal.

Segundo informações da BBC, o empréstimo de 5,7 milhões de libras (7,9 milhões de dólares ou 6,6 milhões de euros) foi concedido pela Autoridade da Grande Londres e permitirá a compra de 19 imóveis na região de Vauxhall, no sul da capital britânica.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:
Londres terá comunidade para aposentados LGBTQIA+
Londres terá comunidade para aposentados LGBTQIA+ (Foto: Reprodução / Tonic Housing)

As residências terão de um a dois quartos e ficarão localizadas nos andares superiores do complexo Bankhouse, às margens do rio Tâmisa. Os imóveis terão propriedade compartilhada e começarão a ser vendidos nos próximos meses.

“Atualmente não há oferta de atendimento LGBT no Reino Unido, embora haja uma necessidade e demanda claramente definidas dentro da comunidade LGBT”, disse a Tonic Housing.

VEJA TAMBÉM:  Casal de lésbicas é atacado por grupo de homens em ônibus de Londres

O complexo terá um série de eventos voltados a comunidade LGBTQIA+. “Estamos fazendo história, realizando um sonho de longa data de fornecer um lugar seguro para idosos LGBT viverem bem, em uma comunidade onde eles possam ser eles mesmos e desfrutar suas vidas”, comemorou a diretora-executiva da Tonic Housing, Anna Kear.

O prefeito de da capital, Labor Sadiq Khan, não descarta que comunidades semlhantes possam se espalhar pela metrópole. “Os londrinos mais velhos merecem desfrutar de seus últimos anos com conforto e segurança, cercados por uma comunidade próspera e solidária”.