O deputado estadual pelo Ceará André Fernandes (PSL) reagiu de forma homofóbica ao prêmio concedido à Pabllo Vittar. A drag queen foi nomeada o “homem do ano” pela revista GQ Brasil.

O parlamentar não aceitou o resultado da premiação e reagiu pelo Twitter: “Um viado de peruca ganhou o prêmio de homem do ano” .

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

O bolsonarista utilizou o mesmo termo adotado por Pabllo Vittar ao ser premiada:  “É isso mesmo minhas filhas, o ‘viado’ de peruca ganhou”.

A declaração homofóbica gerou uma enxurrada de críticas na web.

“Querido André, você também pode concorrer ao prêmio. Só falta a peruca”, rebateu um internauta.

“A Pabllo ganhou um prêmio e o deputadozinho se doeu. A masculinidade frágil do homem hétero se abala até com um prêmio zé besteira de revista. Imagina o esforço diário que tem que fazer”, declarou outro.

VEJA TAMBÉM:  Mulher trans é espancada por agressores que gritam: "Bolsonaro vai acabar com este lixo!"
Pabllo Vittar posa como homem do ano (Foto: Hick Duarte/GQ Brasil)
Pabllo Vittar posa como homem do ano (Foto: Hick Duarte/GQ Brasil)

A escolha pela Pabllo 

A revista GQ Brasil justificou a escolha de Pabllo pela sua contribuição a música brasileira e creditou o prêmio a sua representatividade da comunidade LGBTQIA+ e a utilização de sua imagem pela luta à igualdade.