A Mundo Canibal, produtora de vídeos muito famosa em meados da década passada por fazer animações de humor bem ácido, foi condenada pela 8ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP) a pagar R$ 80 mil por danos morais coletivos.

O motivo são vídeos transfóbicos, homofóbicos e machistas publicados pela produtora. E esse dinheiro será muito bem usado. A Defensoria Pública do Estado de São Paulo deverá enviar o valor para financiar ações afirmativas para promover a igualdade e o combate às diferentes forma de discriminação.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

O conteúdo, no entanto, não será retirado do ar, pois de acordo com o colegiado isso seria censura. O colegiado votou por unanimidade em acatar esse recurso da defensoria.

O órgão afirmou que as animações contém “um contexto social de ódio, discriminação e menosprezo à população LGBT e violação aos direitos das mulheres e das crianças e adolescentes, incitando a violência.”

Sobre a não retirada dos vídeos, a desembargadora-relatora Clara Maria Araújo Xavier disse:

“Analisando os conteúdos produzidos pelos requeridos – e por mais que, ao senso crítico desta julgadora, sejam eles absolutamente repulsivos, toscos e grotescos – compartilho do entendimento externado pelo julgador a quo no sentido de que o Estado-juiz não pode, de fato, impedir a sua livre circulação, removendo-os da rede mundial de computadores. Isso porque não se pode ignorar, pelos motivos bem expostos na sentença, que o objeto do litígio se encontra mesmo em linha limítrofe, não havendo o claro cometimento de crime por parte dos réus, nem mesmo na questionável figura jurídica da apologia ao crime.”

Os condenados a pagar a indenização são Rodrigo e Ricardo Piologo, Rogério Gonçalves Ferreira Vilela e Fábrica de Quadrinhos Núcleo de Artes S/C LTDA.

 

Avatar
22 anos, geminiano, mineiro, jornalista formado pela UEMG. Apaixonado por música e artes de modo geral. Ex-bailarino na teoria mas danço nas festinhas bastante. Sonho em ser amigo da Rihanna e da família da Beyoncé. Provável futuro ex-bbb e quem sabe vencedor da Fazenda.