Um vídeo está chocando o mundo e já viralizou nas redes sociais em vários países. Nas imagens, uma multidão espanca um religioso na Índia, por suspeitar que ele seja gay. A informação foi divulgada pelo site Gay Star News.

No vídeo, o homem que parece atender pelo nome de Lokesh Pujari é violentamente agredido, devido ao fato dos moradores da cidade de Mangaluru, localizada na costa leste da Índia, terem descoberto que ele teve relações sexuais com outro rapaz.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

Nas imagens, homens e mulheres espancam o rapaz e ainda cortam os cabelos dele com uma faca. Além das agressões físicas, ele é humilhado e obrigado a pedir desculpas. Enquanto isso, outras pessoas ao invés de intervir ou chamar a polícia, apenas filmam e dão risada como se aquela monstruosidade fosse normal ou engraçada.

Vale ressaltar que, até 2018, a homossexualidade era considerada crime na Índia. Entretanto, a Suprema Corte do país, anunciou em setembro do último ano, a descriminalização das relações homoafetivas, através do cancelamento da seção 377, do Código Penal indiano.

VEJA TAMBÉM:  Jogador de futebol americano é demitido após tweet homofóbico

Assista ao vídeo abaixo: