Estudantes de uma escola católica em Seattle, nos Estados Unidos, fizeram uma saída em massa após dois professores do colégio serem demitidos apenas por serem gays.

Autoridades da escola disseram que os professores Paul Danforth e Michelle Beattie “se demitiram voluntariamente“,

Paul Danforth and Michelle Beattie.
Professores foram afastados de escola católica após casarem com pessoas do mesmo sexo.

Tudo indica que eles não se demitiram por conta própria, e sim porque recentemente os professores se casaram com seus parceiros de mesmo sexo.

Porém, isso não ficou assim. Vários estudantes foram as corredores para protestar. Eles utilizaram vários cartazes como “Amor é um direito humano”, “Quem Jesus demitiria?” e “Eu sou gay! E agora? Estou expulso!”.

Durante o fim de semana, uma bandeira LGBTQ+ foi colocada na frente da escola, porém foi rapidamente retirada. Os pais dos alunos também ajudaram nos protestos.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:
Students staging a sit-in at Kennedy High School.
Estudantes protestando nos corredores da escola.
Student protesting at Kennedy High School.
Estudante com cartaz: “Eu sou gay! E agora? Estou expulso!”.
Avatar
21 anos, geminiano, mineiro, jornalista formado pela UEMG. Apaixonado por música e artes de modo geral. Ex-bailarino na teoria mas danço nas festinhas bastante. Sonho em ser amigo da Rihanna e da família da Beyoncé. Provável futuro ex-bbb e quem sabe vencedor da Fazenda.