Um casal gay do Reino Unido revelou que foi agredido verbalmente e teve seu carro danificado por um grupo de ciclistas homofóbicos simplesmente por pedir-lhes que não andassem de bicicleta em sua propriedade particular.

O casal, que pediu anonimato na reportagem do portal Queerty, vivem em uma fazenda rural que só é acessível por uma estrada particular. Há sinais por toda parte indicando que a estrada não é para uso público.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

Mas isso não impediu um grupo de ciclistas de passar pelos sinais e gritar xingamentos homofóbicos para o casal quando eles pediram que eles não invadissem suas terras. O incidente aconteceu na tarde de quarta-feira passada.

VEJA TAMBÉM:  Sem dó, apresentador do Cidade Alerta rebate homofobia de telespectador; assista

“Quando dissemos a eles que era uma propriedade privada ali, parte do grupo foi embora, mas muitos ficaram para trás”, disse um dos homens. Mais tarde, diz ele, tentaram sair de casa para fazer compras, mas os ciclistas bloquearam a estrada.

“Pedimos a eles que saíssem dali. Foi quando um passou de 0 a 100 e começou a gritar homofobias bem alto conosco e a entrar na nossa cara. Ele também tentou danificar o carro, tentando arrancar nossos espelhos retrovisores, que agora temos que consertar.”

O relato continua: “Outro homem começou a nos xingar usando homofobia e gritar calúnias contra nós. Havia apenas dois homens xingando principalmente e o resto assistindo sem se posicionar e deixando aquilo tudo acontecer”.

VEJA TAMBÉM:  Em vídeo, Aretuza Lovi revela agressões e torturas do pai homofóbico

A polícia foi chamada, mas quando eles chegaram, os ciclistas já haviam partido. “Quando a polícia chegou, entregamos as fotos e explicamos o que havia acontecido, e eles classificaram o incidente como crime de ódio, informando que agora estão investigando”, contou um dos dois.

O casal ainda disse à reportagem que pessoas caminhando e ciclistas ocasionalmente aparecem na estrada, mas a maioria se desculpa e dá meia volta quando percebe que está em uma propriedade privada.

“Esta é a primeira vez que lidamos com alguém tão violento e homofóbico”, disse o homem, acrescentando que “não havia necessidade” dos ciclistas homofóbicos se comportarem da maneira que se comportaram.

Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 150 milhões de visualizações e 1 milhão de inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).