Na última sexta-feira (6), Kristin Michele e sua namorada Jenn Mangan estavam a caminho de um show em New Jersey quando foram expulsas do carro que estavam pela motorista de Uber.

Em um post no facebook, elas comentaram o ocorrido: “Essa mulher aceitou a corrida de Uber. Nós entramos. Dei um beijo na minha namorada e ela parou o carro e disse: ´vocês precisam sair do meu carro´. Eu perguntei o motivo e ela respondeu: ´Eu não aceito isso no meu carro´“.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

No vídeo, divulgado também pelo facebook e gravado por Kristin durante o ocorrido, é possível ver o casal perguntando se estavam sendo expulsas por serem gays e a motorista, claramente nervosa, respondendo que sim e gritando para que elas saíssem do carro.

Em outro momento a motorista diz que pode “rejeitar qualquer corrida que quiser“.
Durante a discussão, a motorista identificada apenas como Cynthia, ainda tenta derrubar a câmera ao perceber que estava sendo filmada.

VEJA TAMBÉM:  Lésbicas calam homofóbico apoiador de Trump da melhor forma: com um beijo; assista

Assista:

O assustador e triste incidente foi relatado a Uber que emitiu uma nota oficial:
A Uber não tolera discriminação de nenhuma forma e nós entramos em contato com a motorista. Removemos o acesso da profissional ao aplicativo assim que fomos informados do ocorrido. (…) A Uber e suas afiliadas proíbem a discriminação contra usuários com base em raça, religião, origem nacional, deficiência, orientação sexual, sexo, estado civil, identidade de gênero, idade ou qualquer outra característica protegida pela lei aplicável. Qualquer usuário que viole essa proibição perderá o acesso à plataforma Uber.