Viralizou no Twitter um vídeo que mostra um casal de lésbicas calando apoiadores conservadores de Trump da melhor maneira: com um beijo apaixonado.

Um rapaz republicano estava se manifestando no campus da Universidade da Califórnia em San Diego, vestindo uma camiseta vermelha de Trump e segurando uma placa listrada de arco-íris que definia o casamento como “tradicional, um homem e uma mulher”.

As duas alunas decidiram que a melhor maneira de retaliar era compartilhar um lindo beijo bem na frente dele, o que resultou em gritos e aplausos dos alunos ao seu redor.

Então, contradizendo completamente sua mensagem homofóbica, o homem gritou para as duas mulheres: “Faça de novo!”.

Um dos alunos do vídeo, Crystal, postou no Twitter, onde atualmente tem quase 75.000 curtidas e 14.000 retweets.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

Assista ao vídeo abaixo:

Ela escreveu: “Esse cara era homofóbico e apoiador de Trump, então você sabe que precisávamos fazer isso com eles”.

Os usuários do Twitter parabenizaram as duas mulheres, apesar de igualmente enojados com o manifestante e sua resposta ao beijo.

Um escreveu: “Eu amei. E aposto que ele gostou, o que contradiz suas crenças”.

Outro afirmou: “O fato de as pessoas dedicarem tempo e energia ao dia para atacar um certo grupo de pessoas mostra como as suas vidas são realmente de baixo orçamento. Eles precisam conseguir um emprego e se concentrar em si mesmos. ”

Muitos apontaram a hipocrisia de pessoas que discriminam pessoas LGBT +, mas ainda fetichizam WLW (mulheres que amam mulheres).

Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 150 milhões de visualizações e 1 milhão de inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).