O cantor Jotta A, que ficou conhecido por sua carreira na música gospel e chegou a ser indicado a um Grammy Latino, revelou sua bissexualidade em 2020 com um post no Instagram. O artista, que deixou a música gospel e se lançou no mercado pop, passou a receber ameaças de morte depois que tornou pública sua sexualidade. As informações são do Splash.

“Sofro ameaça de morte todo dia, palavras de ódio, racismo, homofobia. Pessoas subestimam meu trabalho. Até hoje, enxergo Cristo com um mensageiro de amor para todos, não só para as pessoas que a Igreja prega. Sou grato pela trajetória que tive, mas não sigo nenhuma religião. Só acredito em Deus.”, declarou Jotta A em entrevista ao Splash.

Jotta A é ameaçado após revelar bissexualidade: "sofro ameaças de morte"
Jotta A é ameaçado após revelar bissexualidade: “sofro ameaças de morte” (Foto: Reprodução / Instagram)

O artista declarou não aceitava sua própria sexualidade e que sofria com ansiedade e depressão durante esse processo. “Viver uma mentira me trouxe problemas psicológicos, como ansiedade e depressão. Hoje, estou mostrando quem realmente sou, podendo assumir minha arte e minha verdade. ”

Jotta finalizou dizendo que o novo momento da carreira mostra de verdade quem ele é e qual mensagem quer transmitir. “Tirei das costas um sistema que não me aceitou como sou. Este é o momento de mostrar quem é o Jotta A.””