Um braço do Family Research Council, classificado como um grupo de ódio pelo Southern Poverty Law Center, atacou Jonathan Van Ness e Uber Eats por apresentarem a estrela de reality shows em uma série de comerciais para a TV aberta.

Em uma nova petição criticando o serviço de entrega de comida, One Million Moms zombou da identidade não-binária de Van Ness – colocou aspas em em “não-binária” – e o chamou de “um travesti” que está “empurrando a agenda LGBTQ para as famílias”.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

“Colocar um travesti em seus anúncios grita agenda liberal e afasta clientes em potencial do Uber Eats”, escreveu o grupo, acrescentando: “Em vez de fazer o público perder o apetite ao exaltar um estilo de vida LGBTQ, o Uber Eats deve se concentrar no que faz e permanecer neutro em questões controversas”.

O One Million Moms questionou especialmente o fato de Jonathan Van Ness usar uma malha, que no anúncio “Tonight I’ll Be Eating” foi emprestado da medalhista olímpica Simone Biles; o par executa movimentos de ginástica juntos enquanto pede comida. “Para qualquer pessoa curiosa ou lutando com sua identidade sexual, assistir alguém se esgueirando com roupas do sexo oposto não é a resposta”, disse o grupo.

VEJA TAMBÉM:  Jonathan Van Ness do Queer Eye rouba a cena em tapete vermelho do Emmys 2019

Jonathan Van Ness se assumiu não-binário em 2019

Van Ness saiu como não binário, com preferência por pronomes ele / elo, em uma entrevista de 2019 para a revista Out. “Quanto mais velho fico, mais penso que não sou binário – sou inconformado em relação ao gênero”, disse Van Ness. “Tipo, alguns dias me sinto como um homem, mas em outros dias me sinto como uma mulher.”

A instituição homofóbica faz boicotes frequentes contra iniciativas pró-LGBTQ +, que vão desde Hallmark a bonecos Mattel com inclusão de gênero e um anúncio recente da Oreo. O grupo geralmente falha em seus apelos à ação. E apesar do título, tem menos de 5.000 seguidores no Twitter.

O Uber Eats deixou claro quem realmente tem mais fãs em resposta ao vitríolo do One Million Moms. “No Uber Eats, estamos assumidamente comprometidos em representar o espectro de sabores. De tacos a talentos, gostamos de picantes”, disse a empresa ao The Advocate, em um comunicado. “JVN e Simone demonstram habilidade na ginástica e feroz autoconfiança, qualidades que milhões de mães em todos os lugares podem – e fazem – apoiar.”