O Instagram está proibindo anúncios sobre PrEP direcionados a gays e bissexuais alegando que são “politizados demais”.

O Apicha Community Health Center – um centro de serviços de saúde da cidade de Nova York que tem um atendimento focado na comunidade negra, pessoas LGBTQ e pessoas que vivem com HIV – tentou colocar uma campanha publicitária no Instagram para aumentar a conscientização sobre a PrEP, um medicamento utilizado na prevenção do HIV.

Mas teve o pedido negado com a justificativa de que não eram aceitos anúncios “sobre questões sociais, eleições ou política”.

Eles disseram que a imagem era o problema, mas não conseguiram nos dizer qual parte da imagem era política demais“, disse Phillip Miner, de Apicha, em entrevista à Vice. “É incrivelmente frustrante encontrar esse tipo de obstáculo“.

Phillip também afirmou que essa não é a primeira vez que uma rede social rejeita seus anúncios, mas explica que as justificativas utilizadas costumam citar políticas de conteúdo adulto. O Twitter inicialmente rejeitou esta campanha exatamente por esse motivo, mas Apicha recorreu e revogou a decisão.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

O instagram, que é de propriedade do Facebook, tem uma política própria e não muito clara sobre os anúncios permitidos ou não dentro da sua plataforma.

Os anúncios sobre a PrEP podem ser visualizados no feed do Apicha no Instagram.