Uma igreja de Ohio, nos Estados Unidos, fez história no país ao nomear sua primeira pastora trans. A Igreja Batista de Oberlin foi fundada em 1866 e, em 2005, causou ao acolher a comunidade LGBTQ+.

No site da congregação, ela se denomina como uma igreja “inclusiva que, corajosamente e sinceramente, abraça o chamado de Jesus para buscar o Reino de Deus”.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

Erica Saunders realizou o seu primeiro culto no templo no dia 8 de setembro. Ao Pink News, a pastora disse ser grata pela religião.

“Com a ajuda de Deus, juntos podemos seguir o exemplo de Cristo e criar uma comunidade amada marcada pela paz, amor expansivo e justiça radical em Oberlin e além”, afirmou.

Saunders disputou o cargo com outros 16 candidatos, mas acabou sendo a escolhida pela suas forças únicas, segundo a Igreja.

Vale ressaltar que a pastora é formada pela Wake Forest University School of Divinity.

VEJA TAMBÉM:  Ohio aprova lei de proteção a comunidade LGBT+ via aplicativo Zoom

No Brasil, a Igreja da Comunidade Metropolitana, em São Paulo, ficou conhecida por nomear mulheres trans a grandes cargos da congregação.