Desde o dia 3 de abril que uma lei do pequeno país asiático de Brunei estabelece que a homossexualidade em seu território deve ser punida com pena de morte a apedrejamento.

A notícia causou péssima repercussão internacional e campanhas de boicote ao país, desde a operadora aérea Virgin Airlines, que cortou relações com o país, até artistas internacionais de peso fazendo campanha contra hotéis de luxo cujo dono é de Brunei e opera em vários países do mundo, muitos onde ser LGBT é plenamente aceito.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

As Nações Unidas também já emitiram posicionamento em repúdio à medida “cruel e desumana”, segundo seu próprio comunicado.

Acontece que agora, após a visibilidade de famosos falando contra, os hotéis da rede de Brunei foram inundados com milhares de críticas em suas redes sociais.

Como resultado, as páginas e perfis de hotéis como The Dorchester e 45 Park Lane em Londres, Coworth Park em Aston, The Beverly Hills Hotel, Hotel Bel-Air em Los Angeles, Le Meurice e Hotel Plaza Athenee em Paris e o Hotel Principe di Savoia em O Milan, foram todas eliminadas. Já o O Hotel Eden, em Roma, tornou sua conta no Twitter privada.

VEJA TAMBÉM:  Bolsonaro em Brasília, Crivella no Rio e, Dória em São Paulo: todos pela Censura mas, contra a Constituição Federal do Brasil | Direitos LGBT

No Twitter, a rede de hotéis de luxo, Dorchester Collection do Reino Unido, tentou passar o pano na crise postando o seguinte comunicado:

“A Dorchester Collection é uma empresa que valoriza diversidade e inclusão e não tolera qualquer tipo de discriminação. Por mais que a gente acredite em uma comunicação transparente e aberta, decidimos desativar as redes sociais do nosso hotel pelas mensagens de abuso direcionadas aos nossos empregados. Dorchester Collection valoriza a igualdade, respeito e integridade em todas as áreas de sua operação, valorizando a diversidade humana e valores de nossos hóspedes e funcionários”.

Muitos internautas começaram a reagir negativamente à declaração. Um questionou: “Igualdade e respeito em todas suas áreas de operação? Incluindo o país pra onde vão seus lucros??”.

Já outro disse: “Como podem dizer que não toleram discriminação quando seu dono mata gays por apedrejamento?? Tudo bem pra Brunei mas não quando vocês estão no Reino Unido??”.

VEJA TAMBÉM:  Continuamos não sendo um País sério | Direitos LGBT

Um outro comentou com toda razão: “Infelizmente, seus donos não concordam com essa afirmação”.

Veja abaixo a relação de hotéis pertencentes a Brunei, postado por Ellen Degeneres em campanha pelo boicote:

Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 150 milhões de visualizações e 1 milhão de inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).