Um homem homofóbico de 19 anos, que matou Jeferson Marques Ferreira (na foto acima), confessou a maneira cruel e desumana como cometeu o assassinato acontecido em Dezembro na cidade de Riacho Fundo (DF). A justificativa? A vítima teria “flertado” com ele.

O culpado só foi preso agora dia 29 de janeiro. À polícia, ele contou que se enfureceu quando o funcionário terceirizado da Caixa Econômica Federal deu indícios de que se interessou por ele na saída do banco.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

O corpo da vítima, carbonizado, foi localizado pela polícia na madrugada do dia 12 de dezembro. O assassino foi até a casa da vítima, que lhe ofereceu ainda R$ 200 e um relógio pelo encontro. Lá, segundo relatou a delegada Adriana Romana, que apurou o caso, foi onde o homofóbico deu um mata-leão na vítima que a fez desmaiar.

“Quando recobrou os sentidos, o autor voltou a agredi-lo. O suspeito nos disse que pisou no pescoço do Jeferson até escutar um estalo e pensou tê-lo matado naquela hora”, explicou a delegada.

VEJA TAMBÉM:  Billy Porter alerta conservadores negros: “Se importem com a minha vida como LGBTQ+ também!”

Segundo os investigadores, com a vítima desmaiada, o acusado se dirigiu até um posto de gasolina e pegou um galão emprestado com um motorista de aplicativo, argumentando que iria abastecer o carro da namorada. No entanto, voltou para o local do crime para atear fogo em Jeferson.

Jeferson ainda não estava morto quando foi queimado vivo pelo assassino, segundo a investigação da polícia.

Agora preso, o assassino vai responder por homicídio triplamente qualificado, em razão de motivo fútil, uso de fogo, sem chance de defesa do ofendido, seguido por furto qualificado (abuso de confiança).

Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 150 milhões de visualizações e 1 milhão de inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).