Uma pesquisa holandesa revelou que crianças criadas por pais LGBT’s são melhor avaliadas no ambiente acadêmico. O estudo foi publicado pelo periódico científico Demography.

Mais de 1,4 milhão de filhos de casais heterossexuais e 3 mil crianças de casais LGBTs foram avaliadas. Dessas, 125 moravam com casais gays e 2.881 com lésbicas ao longo de dois anos.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:
Filhos de LGBT's têm melhor desempenho educacional
Filhos de LGBT’s têm melhor desempenho educacional (Foto: Pixabay)

Os filhos de casais homoafetivos foram melhores em vários indicadores de desempenho acadêmico da Holanda, como o teste Cito (um exame que avalia crianças nos primeiros anos do ensino fundamental), taxas de conclusão do ensino médio e matrícula na faculdade.

O estudo também revelo que lares com duas mães causam grandes benefícios a educação de crianças e adolescentes. “Mulheres desenvolvem relacionamentos mais calorosos, próximos e comunicativos com seus filhos [do que homens]”, cita o relatório.