Depois de conquistar a Taça Guanabara no último domingo (17) jogando pelo Vasco, o jogador Felippe Bastos postou em suas redes sociais um vídeo onde cantava “Série C do c*ralho. Vai tomar no c* time de viado! Time de viado!”.

Claro que a fala repercutiu muito mal, visto que o jogador tentava usar homofobia para atingir o time adversário. Algo que até o século passado era perfeitamente aceitável.

Eis que o Fluminense se meteu na história e em suas redes sociais condenou a atitude do jogador do Vasco escrevendo:

“Sexualidade é diversidade. Intolerância não pode mais ter espaço na sociedade. O Fluminense é um #TimeDeTodos, como todo clube deveria ser. E lamenta que alguns ainda deem lugar para o preconceito.”

Após a péssima repercussão do caso, Fellipe tentou se desculpar de sua fala homofóbica, a qual chamou de “brincadeira”.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

“Gostaria de pedir desculpas às pessoas que se ofenderam pelo vídeo que viralizou na Internet. Pedir desculpas à instituição Fluminense também e deixar claro que não tenho nada contra classe nenhuma. Gostaria também de pedir desculpas à todas essas pessoas que se ofenderam. Nasci e fui criado num futebol onde podia brincar com alegria, mas foi um momento que extravasei e atrapalhei um pouquinho. Peço desculpas a todos, espero que entendam e parem de ameaçar minha esposa e meus filhos. Eles não tem nada a ver com isso”.

Por fim, o Vasco também veio a público também fazer um mea culpa pela atitude de seu jogador, ainda que não tenham sido claros quanto a homofobia: “A inclusão está no DNA do Vasco da Gama desde a sua origem. O Vasco é o clube da Resposta História de 1924, a instituição que abriu as portas do futebol para os negros e oriundos das classes sociais mais baixas”.

Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 100 milhões de visualizações e 800 mil inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).