Depois de toda imprensa ter divulgado que Scott Chen, o presidente do Grindr, se colocou contra o casamento homoafetivo em um post nas suas redes sociais, ele veio a público em explicar que tudo não passou de um erro de tradução do chinês do post original.

Chen escreveu em uma mensagem divulgada no Twitter pelo jornalista Ken Schwencke: “A razão pela qual eu disse que sagrado é o casamento entre homem e mulher é baseada na minha experiência pessoal. Sou um homem hétero casado com uma mulher e com duas filhas que amo. É assim que entendo sobre o meu casamento. Mas pessoas diferentes podem ter entendimentos diferentes sobre seus casamentos. Vocês não podem definir os meus sentimentos em relação ao casamento!”, afirmou.

Em outro post, um internauta perguntou diretamente se isso significa que ele acredita no casamento igualitário, ao que ele respondeu finalmente de maneira clara e sem dar margem a erros de tradução ou equívocos: “Sim. Claro! Eu luto por isso. E é por isso que trabalho hoje no Grindr!”

Então tá!

Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 100 milhões de visualizações e 800 mil inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).