Depois de toda imprensa ter divulgado que Scott Chen, o presidente do Grindr, se colocou contra o casamento homoafetivo em um post nas suas redes sociais, ele veio a público em explicar que tudo não passou de um erro de tradução do chinês do post original.

Chen escreveu em uma mensagem divulgada no Twitter pelo jornalista Ken Schwencke: “A razão pela qual eu disse que sagrado é o casamento entre homem e mulher é baseada na minha experiência pessoal. Sou um homem hétero casado com uma mulher e com duas filhas que amo. É assim que entendo sobre o meu casamento. Mas pessoas diferentes podem ter entendimentos diferentes sobre seus casamentos. Vocês não podem definir os meus sentimentos em relação ao casamento!”, afirmou.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

Em outro post, um internauta perguntou diretamente se isso significa que ele acredita no casamento igualitário, ao que ele respondeu finalmente de maneira clara e sem dar margem a erros de tradução ou equívocos: “Sim. Claro! Eu luto por isso. E é por isso que trabalho hoje no Grindr!”

VEJA TAMBÉM:  Em vídeo emocionante, mais de 30 casais LGBT realizam casamento coletivo; veja

Então tá!

Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 150 milhões de visualizações e 1 milhão de inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).