Um autor gay ficou com o nariz quebrado depois que seis adolescentes o agrediram brutalmente em um ataque homofóbico.

O escritor irlandês Gavin McCrea estava andando no Dartry Park, em Rathmines, em Dublin, por volta das 18h do dia 1º de fevereiro quando foi atacado pelo grupo de garotos, informou o Irish Times.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

McCrea acabara de sair da biblioteca da University College Dublin (UCD), onde havia enviado o manuscrito de seu novo romance para sua editora – um romance que levou cinco anos para ser escrito.

O autor andava conversando com seu tio por telefone sobre sua próxima viagem a Berlim, onde ele planejava comemorar a conclusão de seu romance. Foi quando ele foi abordado pelo grupo de adolescentes homofóbicos que começaram a insultá-lo com xingamentos homofóbicos e jogar pedras.

Os meninos fugiram quando o escritor gay conseguiu correr para baixo de carros em um esforço para se livrar deles. Mas esse não foi o fim de sua provação. Quinze minutos depois, enquanto ainda caminhava, o mesmo grupo de meninos voltou e o atacou por trás. Ele levou um soco e um chute e teve a bochecha e o nariz machucados.

VEJA TAMBÉM:  Cabeleireiro famoso é morto por homem que conheceu no Grindr

Gardaí está tratando o incidente como um possível crime de ódio, no entanto, nenhuma prisão foi realizada até agora. A polícia está incentivando qualquer pessoa com informações que levem aos culpados a se apresentar.

O escritor gay Gavin McCrea deixou a Irlanda depois de sofrer bullying homofóbico em sua infância. Gavin McCrea, que viveu no exterior a maior parte de sua vida adulta, falou à publicação espanhola El País sobre o ataque.

“Fui severamente intimidado dos dez aos 20 anos, após isso deixei a Irlanda prometendo nunca mais voltar e agora volto e sou obrigado a revisitar esses antigos traumas ”, disse ele.

Ele também disse que o ataque deu a ele uma sensação de “déjà vu”, já que seus agressores tinham a mesma idade dos agressores de infância.

Entretanto, McCrea ficou “impressionado” com o amor e o apoio que recebeu desde o ataque. Infelizmente a agressão a McCrea não é um incidente isolado na Irlanda, onde vários ataques anti-LGBT + de alto perfil chegaram às manchetes nos últimos meses.

VEJA TAMBÉM:  Garota é expulsa de escola cristã por usar moletom arco-íris

Em 31 de janeiro, um casal gay foi violentamente atacado na estação de trem de Newbridge em Co Kildare. 

Já no ano passado, em setembro, um brasileiro que morava em Dublin, Danilo Matta, foi atacado com barras de aço depois de se despedir do namorado do lado de fora de seu próprio apartamento.

Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 150 milhões de visualizações e 1 milhão de inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).