O site internacional Spartacus, que anualmente faz um ranking dos países mais seguros do mundo para se viver sendo LGBT, acaba de divulgar a versão atualizada deste ranking.

Em 2019, o Brasil caiu 13 posições, de 55º (2018) pra 68º lugar. Vale lembrar que a queda do país tem acontecido sistematicamente. Em 2010 chegamos a estar em 19º lugar.

O ranking anual de 197 países é calculado de acordo com informações fornecidas pela Human Rights Watch, estatísticas das Nações Unidas e da Organização para Segurança e Cooperação na Europa.

Para sua elaboração são contabilizados crimes por LGBTfobia no país, evolução em questões de Direitos LGBT, leis anti-discriminação, permissão para realização de Paradas LGBT, dentre outros requisitos.

Outro país que teve queda expressiva no ranking foi a França, que foi de 6º lugar para 17º. O motivo apontado seriam recentes ataques homofóbicos registrados no país e o adiamento da revisão das leis da bioética, especialmente em relação à PMA, a procriação medicamente assistida, hoje reservada na França apenas a casais heterossexuais.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

O Brasil fica atrás até mesmo de países como Porto Rico (35°), Moçambique (41°), Cuba (47°), Costa Rica (47°), Bósnia (47°), Bolívia (41°) e Hungria (57°).

Já os Estados Unidos caíram de 39º para 47º. No topo do ranking ficaram Portugal, Suécia e Canadá.

O ranking completo pode ser consultado aqui.

Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 100 milhões de visualizações e 800 mil inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).