Deu o que falar nesta última semana, a decisão do CREF em denunciar a drag queen Pabllo Vittar por mostrar seus treinos em seu Instagram. O Conselho Regional de Educação física agiu como se Pabllo estivesse ilegalmente sendo educadora física sem formação para tal.

Em resposta, a assessoria de Pabllo afirmou  que ela nunca se colocou neste lugar de educadora e em seus treinos online, sempre recomendou a necessidade de um preparador físico para realizarem exercícios, não se colocando como professora e apenas querendo incentivar seguidores a terem um estilo de vida mais saudável.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

Pois bem. Após a polêmica, o preparador físico Erick Mota, fã de Pabllo e também formado na área de Educação Física, deu sua opinião – com conhecimento de causa de ambos os lados – em suas redes sociais a respeito do assunto.

“Pabllo foi denunciada por pessoas que não gostam dela por ser drag. No vídeo, ela fala que não é da área!”, disse ele em um Tweet.

VEJA TAMBÉM:  Pabllo Vittar vai longe demais e chama coral de drags pra canta hino gay; assista

Sobre o CREF, ele ainda afirmou: “Falo como educador físico. O CREF é muito hipócrita! Pagamos anuidade cara pra nada! Enquanto centenas de outras blogueiras ganham dinheiro assim, não sendo da área, o CREF não fala nada!”.

Sua postagem viralizou tendo mais de 3,9 mil retweets e mais de 27 mil curtidas. Entre as respostas, muitos apoiaram seu posicionamento.

“O CREF faz porra nenhuma e quer cobrar a Pabllo só por homofobia”, “As blogueiras fitness que passam treino que os personais delas montaram e não dão crédito” e “Não só o CREF, mas o CRN tbm deixa a desejar muito na hora de denunciar as “blogueiras” que vende ideias bizarras sobre nutrição” foram alguns dos comentários da publicação.

Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 150 milhões de visualizações e 1 milhão de inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).