Duda Salabert usou sua conta no Twitter para fazer uma grave denúncia de ameaça de morte. A vereadora mais votada de Belo Horizonte contou que recebeu ontem (03) um e-mail com as ameaças.

“Estou sofrendo ameaças de morte. Ontem recebi esse e-mail. E pior: o grupo odioso enviou esse mesmo e-mail para a escola em que trabalho e para os donos e para a direção da escola. É uma estratégia não só para me intimidar, como também para forçar que a escola me demita”, conta Duda em seu post.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

O conteúdo aterrorizante além de transfóbico (chama a vereadora de “pedreiro de peruca) tem teor racista e misógino. O criminoso afirma que vai comprar uma pistola e invadir uma escola para matar “pretos e vadias e pedófilos” que contrastaram Duda Salabert.

Duda Salabert recebe apoio na web

Políticos, admiradores, ativistas prestaram apoio à vereadora e alguns confirmam que diversas instituições receberam o mesmo e-mail e que pode se tratar de um trote, o que não anula o perigo que Duda Salabert pode estar correndo.

VEJA TAMBÉM:  JK Rowling tenta se defender de acusações de transfobia, mas emenda sai pior que o soneto

O suposto homem que enviou a ameaça de morte, alega que sua motivação é estar desempregado, sua esposa ter câncer e vivendo de auxílio emergencial, motivos os quais uma vereadora nada tem a ver visto que nem assumiu a cadeira ainda. Que a justiça seja feita e que Duda esteja protegida.