Primeira coisa que vou dizer sobre administração pública: todo administrador, seja prefeito, governador ou presidente, deve nortear seus atos nos princípios da moralidade, nos princípios da constitucionalidade e, na verdade…

Põe a safada da Dilma pra fora!

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

Deus me livre do PT.

Graças a Deus o mito vai fazer nova política!

Esses eram os gritos de guerra da população enlouquecida para ser salva por um messias que, de messias não tinha nada.

Há ainda quem o ache um mito contra a corrupção.

Depois de trinta anos no congresso como deputado e com funcionários que vendiam açaí em Angra, esse deputado vira presidente, alia-se a meia dúzia de pastores e, pronto: está formado um governo que alia a política à religião num país de fanáticos.

VEJA TAMBÉM:  Illinois se torna o 5º Estado Americano a ensinar História LGBT nas escolas públicas

Agora já se sabe que o filho do mito, tinha gabinete como deputado estadual no Rio de Janeiro e, o mito despachava lá nas sextas feiras.

Já se sabe que o filho fazia rachadinha com os funcionários e através do Queiroz que na verdade era funcionário e amigo do mito e não do filho.

Mandou soltar os cachorros da PF e do MPF contra o jornalista que está divulgando as maracutaias dos procuradores da Lava Jato e, comentou que Glenn não deve ter medo da Justiça. Quem tem medo da Justiça é Flavio Bolsonaro que já há mais de ano tenta barrar as investigações contra si…

Já se sabe que houve candidaturas laranja em Minas e, o Ministro do Turismo foi quem orquestrou isso lá nas gerais. Ministro esse que não cai de jeito nenhum.

VEJA TAMBÉM:  Após legalizar e depois proibir, Bermudas permite casamento homoafetivo de novo

 Já se sabe que o racha de partido do presidente nada tem a ver com o cara que lhe deu legenda mas, com dinheiro do fundo partidário que ele mito, mesmo tendo sancionado, agora diz para todos não votarem em quem usar o fundo. Ora, o que ele espera para renunciar, já que ele mesmo o usou?

Agora, tem ministro na SECOM – Secretaria de Comunicação, que recebe dinheiro das emissoras de televisão que têm exclusividade de acesso ao presidente.

Só exonerou o nazista porque ficou feio no cenário internacional o fato de um seu ministro citar o nazismo para falar dos planos da cultura.

Finalmente, começou a noivar com a namoradinha do Brasil que, recebe vinte mil reais mensais – legalmente, por ser solteira – mas, sem ética alguma pois, já se amigou pra mais de cinco vezes e não casou para não perder a boquinha…

VEJA TAMBÉM:  Japão determina que pessoas trans devem ser obrigatoriamente esterilizadas

Tudo bem! Ao menos tiramos o PT!