O Conselho Municipal de Atenção à Diversidade Sexual (CMADS) está organizando a primeira celebração no civil e religiosa para a comunidade LGBT  em Cuiabá. A cerimônia será realizada no dia 28 de junho.

De acordo com a conselheira Josi Marconi, em entrevista ao G1, para participar, os casais devem comprovar carência financeira, caracterizando hipossuficiência, que é uma condição estabelecida na Lei do Direito ao Consumidor, pois não haverá custo para os noivos ou noivas.

O evento é voltado aos casais que têm o desejo de oficializar juridicamente a relação estável, ou que já tenham realizado cerimônia jurídica ou que querem fazer os votos perante à comunidade religiosa, e também aos casais que queiram apenas a renovação dos votos.

Josi Marconi é representante do estado na ONG Mães pela Diversidade e contou ao G1 que a data da realização do evento é uma escolha especial, pois é comemorado o Dia Mundial do Orgulho Gay.

‘’É uma data extremamente importante para a população LGBT, pois é o início de uma luta que vem sendo travada há 50 anos, que é uma luta de direitos, os mesmos que os heterossexuais têm’’, disse.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

Segundo Josi, serão emprestadas roupas aos noivos e noivas para a celebração. O local do casamento não será divulgado, pois deverá ser uma surpresa. Primeiro, será a parte celebrativa civil e, em seguida, a religiosa ecumênica. Além da celebração matrimonial, os participantes terão festa com buffet e convidados.

Os interessados devem comparecer no Conselho Municipal de Atenção à Diversidade Sexual levando documentos específicos para conferência e após a certificação os casais já podem ir direto ao cartório para dar entrada ao casamento. Os interessados também podem ligar nos telefones: (65) 3623-3089 ou (65) 98138-9648.