A maioria dos clubes da série A do campeonato brasileiro de futebol manifestou apoio ao Dia Internacional da Luta Contra a LGBTfobia, solenizado na última sexta-feira (17). O esporte é considerado o mais LGBTfóbico do mundo.

O Bahia, que vem mostrando defesa às causas sociais, chegou a lançar uma coleção especial para a data.

https://www.instagram.com/p/Bxj9P9zhZkK/

O América, de Minas Gerais, publicou no Twitter que, no próximo jogo, o time entraria em campo com a bandeira LGBTQ. “PELA DIVERSIDADE! ‍No Dia Internacional contra a Homofobia, o #Coelhão levanta outra vez a bandeira da diversidade. Queremos respeito a todos, seja dentro ou fora do futebol. Neste fim de semana, vamos levar, literalmente, essa bandeira para o campo. #HomofobiaNão”, escreveu.

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) também entrou na campanha e alertou aos fanáticos pelo esporte que “vestimos as cores do orgulho para lembrar que futebol não combina com violência e preconceito”.

Outros times como Flamengo, Santos, Fluminense e Grêmio também se posicionaram e falaram sobre a importância do respeito, da empatia e da luta contra o preconceito.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:
https://www.instagram.com/p/BxkhfBdBlg-/
https://www.instagram.com/p/Bxkv86-hOO4/