Foi revelado por uma reportagem da revista Veja que Edgar Corona, dono da rede de academias Smartfit, deverá sentir no bolso o resultado da investigação que apura seu envolvimento com o financiamento da indústria de fake news bolsonaristas.

Segundo apurou a publicação, há muitos alunos se registrando em sites como Reclame Aqui para falar da impossibilidade de cancelarem suas matrículas na rede, isso porque a empresa exige em uma cláusula contratual que o cancelamento seja feito pessoalmente. E como se sabe, com a quarentena, as unidades estão fechadas.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

“Já estava bastante indignada com a pressão que o dono da rede SmartFit faz para a reabertura das academias durante a pandemia, e agora me recuso a dar meu dinheiro para quem financia notícias falsas em prol desse governo nazista! Contudo, entrei no espaço do aluno para cancelar e não tem mais essa opção no espaço! Minha matrícula foi trancada automaticamente por conta da pandemia, mas quero cancelar definitivamente e não consigo! Eu me recuso a continuar dando dinheiro para academia Bolsonarista!”, disse uma aluna de Brasília ao site do Reclame Aqui.

VEJA TAMBÉM:  Após desafio de rainha Daniela Mercury, Anitta finalmente adere campanha #EleNao

“Eu estou pagando mensalidade parcial durante a pandemia para manter a empresa com um pouco de fôlego e manter colaboradores, mas esse dinheiro pode estar sendo usado para financiar fake news”, argumentou outra de Goiânia.

Ainda segundo a matéria da revista Veja, ao autorizar a quebra de sigilos de empresários, entre eles também o Luciano Hang, o ministro Alexandre de Moraes usou como argumento a mensagem de Corona pedindo apoio financeiro para vídeos contra Rodrigo Maia: “Temos de impulsionar esses vídeos. Precisamos de dinheiro para investir em marketing”, diz a mensagem, enviada ao grupo do movimento Brasil 200 e revelada em fevereiro deste ano.

Procurada pela publicação, a SmartFit não respondeu sobre o aumento de cancelamentos de matrículas na rede.

Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 150 milhões de visualizações e 1 milhão de inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).