A cantora do seriado Glee, Lea Michele, definitivamente não está em uma boa fase. Depois de sofrer acusações – e chegar a se desculpar publicamente – de racismo, agora foi a vez dela ser chamada de transfóbica.

Em um comentário no Instagram, a cantora Plastic Martyr acusou a atriz de tê-la discriminado no banheiro do Emmy Awards.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

“Ela é uma pessoa desagradável. Anos atrás estávamos no Emmy e ela apareceu lá. Eu estava ainda no início da minha transição, não era “100% passável” na época ainda. Estava no banheiro lavando as mãos tentando achar o sabonete e ela chegou e disse: “Com licença?! COM LICENÇA??? Você percebeu que está no banheiro das MULHERES? Me lembro de ter ido da sensação de estar tão linda aquele dia a sair daquele banheiro constrangida #leamichele”, postou a cantora.

VEJA TAMBÉM:  Mulher trans atacada em aeroporto vai ser indenizada por agressor

Imagem

Até agora, Lea Michele não se pronunciou sobre a nova acusação.

Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 150 milhões de visualizações e 1 milhão de inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).