O Hospital Universitário Pedro Ernesto, no Rio de Janeiro, realizou a primeira campanha de doação de sangue por LGBTs, promovida pela Secretaria de Estados de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos e que faz parte das comemorações ao Mês do Orgulho LGBT+.

De acordo com informações do Extra, o primeiro dia de doações registou números que quase dobraram as expectativas: no planejamento original seriam atendidas 20 pessoas, mas até às 15h 38 pessoas já haviam doado. Então, para evitar aglomerações, a organização teve que reorganizar o esquema.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

Como parte das medidas de combate ao coronavírus, o hemocentro da instituição funciona das 8h às 15h e as doações precisam ser agendadas pelo telefone 26888134. A ação também ocorre no hemocentro do Hospital São João Batista, em Volta Redonda, e na Santa Casa de Barra Mansa. 

“Hoje, poder doar é mais um direito que é garantido ao público LGBT. E já são tantos direitos não compreendidos ou não facilitados para essa população. Que a gente possa aproveitar isso e fazer valer nosso direito de doar. Principalmente neste período de pandemia do Covid-19, em que estão muito baixos os estoques de sangue. Eu mesmo doei e fique feliz demais com os 150ml”, afirma Ernane Alexandre, integrante da organização Rio Sem Homofobia e superintendente de Políticas LGBTI.

VEJA TAMBÉM:  “Minha Família Fora do Armário” mostra o cotidiano de famílias LGBT

Serviço

Rio de Janeiro – Banco de Sangue Herbert de Souza do Hospital Universitário Pedro Ernesto (HUPE)

Data: até 3 de julho

Hora: das 8h às 15h

Endereço: Boulevard Vinte e Oito de Setembro 109 – Vila Isabel – Rio de Janeiro

Agendamento: (21) 2868-8134

 

Barra Mansa – Banco de Sangue da Santa Casa de Barra Mansa

Data: ocorreu até 29 de junho

Agendamento: (24) 3323-1918

 

Volta Redonda – Hospital São João Batista

Data: até 3 de julho

Hora: das 7h às 13h

VEJA TAMBÉM:  Turismo LGBT movimenta R$ 150 bilhões por ano no Brasil

Endereço: Rua Nossa Senhora das Graças 235 – Colina

Agendamento: (24) 3339-4242