O perfil no Twitter “M0na” monitora os projetos de lei voltados ao público LGBT+ que estão em votação ou entraram nas casas legislativas de todo o Brasil.

A iniciativa é do jornalista Caio Budel, do publicitário Pierre Michel e do programador Sandro Motyl, todos do Paraná. Apesar disso, o perfil se define como um bot, ou seja, um robô que capta qualquer mudança nos processos em tramitações e as compartilha.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

“Olá! Pra quem ainda não me conhece, eu sou a M0na e fui desenvolvido para publicar aqui no Twitter sempre que um novo Projeto de Lei da causa LGBTQI+ entrar em tramitação ou sofrer alteração. As informações que eu compartilho aqui são retiradas dos portais das Casas Legislativas”, escreveu a conta.

VEJA TAMBÉM:  Audiência Pública vai debater medidas de segurança pra população LGBT em SP

O projeto fala tanto as propostas a favor quanto as contra o público LGBT+. Já registrou a iniciativa que proibe pessoas condenadas por LGBTfobia de serem contratadas no Poder Público do Paraná quanto a que deseja impedir pessoas trans de disputarem esportes em Minas Gerais.

O último registro do perfil foi em 16 de junho: “[Em tramitação – Rio de Janeiro] PL 1872/2020 – Fica assegurada a travestis e transexuais a enfermaria correspondente à identidade de gênero autodeclarada em caso de internação nos hospitais e unidades de saúde públicas”.