A nova edição da revista Le Monde Diplomatique Brasil – especial pelo mês de Junho, da diversidade – trouxe em sua capa uma ilustração icônica feita pelo ilustrador Caio Borges, onde ele retratou ícones LGBTs brasileiros como super-heróis.

Além da ilustração da capa que conta com a frase: “Tire seu preconceito do caminho. Nós vamos passar com nosso amor”, a revista vem recheada de representatividade e também matérias que falam de diversidade e o momento atual para LGBTs brasileiros, que sem medo, vem enfrentando o atual governo conservador e suas tentativas de limitar seus direitos adquiridos e impedir o seu progresso na luta por igualdade.

Na edição, há textos dos ativistas LGBTs Renan Quinalha, Maju Giorgi do grupo Mães pela Diversidade e ainda Symmy Larrat, dentre outras personalidades de peso do Vale.

Com homenagens a tantos ícones LGBTs brasileiros, é claro que a capa rodou a Internet e todas as redes sociais da maioria que presente na ilustração, que se sentiu justamente lisonjeada.

No post da revista no Instagram, a publicação da nova capa teve mais de 14 mil curtidas, dentre elogios e agradecimentos dos próprios retratados. “Que ícones, nem acredito!”, disse o influenciador Spartakus, enquanto o Dr Maravilha escreveu: “Parece até uma Runway de Rupaul serving the future of drag”.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

Veja o post do Instagram abaixo, e logo abaixo, a imagem em alta da ilustração com os nomes correspondentes de cada personalidade desenhada, cedida pelo ilustrador Caio Borges.

Ver essa foto no Instagram

Tire seu preconceito do caminho que eu quero passar com nosso amor. Sob regime homofóbico e no mês da Parada do Orgulho LGBT de SP, a edição de junho do Le Monde Diplomatique Brasil já está no ar! Confira: • Renan Quinalha, professor de Direito da Unifesp, faz uma análise da conjuntura dos direitos LGBT no governo Bolsonaro, apontando retrocessos, riscos, mas também perspectivas de avanços em outras áreas, como na Justiça e na própria sociedade. • Maju Giorgi, da ONG Mães pela Diversidade, conta sobre o trabalho que reúne mais de 2 mil pais de pessoas LGBTQIA+ para enfrentar a violência cotidiana praticada contra seus filhos. • Finalmente, Symmy Larrat, presidenTRA da Associação Brasileira de Gays, Lésbicas, Bissexuais, Travestis, Transexuais e Intersexos (ABGLT), escreve sobre a resistência contra a política de morte bolsonarista e celebra a decisão do STF, que já formou maioria para estabelecer a criminalização da LGBTfobia. E muito mais: • O renascimento do socialismo nos Estados Unidos: por que hoje? • Com Matteo Salvini, a Liga Norte deixou de lado os italianos do sul e escolheu os imigrantes como inimigos principais. • Em entrevista direto de Caracas, o jornalista Jon Lee Anderson relata a conjuntura na Venezuela: Maduro não é um ditador, mas país não vive mais uma democracia. Entenda por quê. • Enquanto o ministro Sergio Moro encampa projeto para ampliar as previsões do que seria a legítima defesa nos casos de ação policial e/ou militar letal, quinto artigo da série Estado de Choque esmiúça os episódios de mortes provocadas pelas forças de segurança de pessoas que portavam um guarda-chuva, uma furadeira, um macaco hidráulico ou que tiveram um canguru de carregar bebês confundido com um colete à prova de balas. • A educação resiste: o relato da vivência na universidade pública de quem não é um idiota útil. • A chama da Primavera Árabe voltou ser acesa? Movimentos populares que se opõem aos regimes da Argélia e do Sudão contrastam com a regressão contrarrevolucionária que atravessa o mundo árabe. • A política para impedir o movimento de imigrantes destruiu a economia local da cidade de Agadèz, jogando milhares de pessoas na cadeia e na extrema pobreza.

Uma publicação compartilhada por Le Monde Diplomatique Brasil (@diplomatiquebrasil) em

Como retratado na imagem, estão: Daniela Mercury, Erika Malunguinho, Diego Hypólito, Leão lobo, Jean Wyllys, Louie Ponto, Spartakys, Rico Dalasan, Liniker, Pedro HMC, Laerte, Rica Von Hunty, Nanda Costa, Pabllo Vittar, Johnny Hooker, lorelay Fox, Linn da Quebrada, David Miranda e Glenn Greenwald.

A nova edição já está disponível para assinantes da revista e deve estar nas bancas a partir da próxima semana. Ela também pode ser comprada online no site da revista.

Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 100 milhões de visualizações e 800 mil inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).