Que a animação Steven Universe, transmitida no Brasil pelo Cartoon Network, dá um show de representatividade, isso não é novidade.

A criadora da saga, também não-binárie, Rebecca Sugar, já trouxe aos episódios da série, personagens interessexo, não-binárie, cena de beijo lésbico, personagem assexual e arromântica… o que mais faltava?

Se sua resposta for “um pisão merecido na Rússia”, acertou!

Sabe-se que o país, seguindo orientações seu líder homofóbico Vladmir Putin, é extremamente homofóbico e possui inclusive leis que proíbem o que chamam de “propaganda gay”, ou seja, até que você saia com um broche de arco-íris na camiseta se quiser.

Sendo assim, não é de se espantar que uma série de animação inclusiva e progressista como Steven Universe tenha sido proibida por lá, não é mesmo?

Pois a criadora da saga não deixou essa censura barato! Em um episódio da série onde os personagens estão olhando para um mapa-mundi, estão ali representados todos os países menos a Rússia, que simplesmente não aparece. É como se não existisse, tivesse sido apagada ou se sua região fosse simplesmente água.

Veja como ficou o mapa-mundi na imagem abaixo:

Imagem

Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 150 milhões de visualizações e 1 milhão de inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).