Um casal gay de Tel Aviv, em Israel, foi cuspido e agredido em uma piscina pública. O motivo? Suas “sungas muito justas”.

De acordo com o Gay Nation, a polícia está investigando o ataque homofóbico que aconteceu na piscina pública Goldstein-Goren em Tel Aviv, Israel.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

O casal gay teria sido cuspido e xingado por frequentadores da piscina por usar uma “sunga muito justa, além de brinco na orelha”.

As vítimas disseram ao jornal Our Cafe: “Um dos homens cuspiu em nós e começou a gritar e a insultar na presença de outros turistas. Falavam que íamos queimar no inferno e não devíamos sair da piscina com vida”.

O relato vai além: “Depois disso, um dos agressores começou a sufocar meu amigo e o outro tentou me bater na cabeça com uma garrafa vazia. A briga só foi interrompida após a intervenção dos salva-vidas”

VEJA TAMBÉM:  Homofóbico que ofendeu casal gay em transporte público em SP é condenado pela justiça

No início deste mês, outro ataque homofóbico a um casal gay ocorreu no porto de Jaffa em Tel Aviv. Um adolescente da cidade israelense de Lod foi filmado assediando, espancando e cuspindo em um jovem casal gay árabe enquanto centenas de pessoas assistiam.

De acordo com o Haaretz, a polícia obteve “evidências de vídeo sombrias da briga, que foram até mesmo disseminadas na internet”.

O casal gay, que se acredita ser árabe-israelense, teria sido atacado depois de ter sido flagrado se beijando por um barco no porto. O adolescente foi preso sob a acusação de agressão qualificada e crime de ódio.

IGY, uma ONG para jovens queer em Israel, disse em um comunicado na época: “As severas surras vistas no vídeo são o pesadelo de cada criança LGBT + em Israel. Temos que lutar contra a LGBTfobia com todas as nossas forças para tirar este mal da sociedade israelense”.

Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 150 milhões de visualizações e 1 milhão de inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).