Um casal gay recentemente confrontou duas mulheres que espalhavam cartazes e adesivos com comentários extremamente transfóbicos pelas ruas de Manhattan, em Nova Iorque. Simon Chartrand, de 28 anos e seu parceiro, Sean Baugh, de 33, estavam pelas ruas e se depararam com adesivos neon com comentários do tipo: “Mulheres trans são homens e a maioria tem pênis”.

Casal gay denuncia transfobia em NY
Casal gay denuncia transfobia em NY (Foto: Reprodução)

Chartrand, que é um homem trans, indignado com a situação, conseguiu gravar todo o momento e expor pelas redes sociais. No vídeo, o casal protesta: “Vocês sabem que ser transfóbico mata pessoas? Você quer matar pessoas inocentes com seu ódio?”, enquanto as mulheres rebatem com o argumento de misoginia. (confira o video aqui)

De acordo com o PinkNews, Chartrand diz que é esse tipo de descriminação que leva pessoas à morte. O presidente do distrito de Manhattan, Gale Brewer, usou o Twitter para condenar os adesivos. “Isso é intolerância que inflige dor e violência aos transgêneros nova-iorquinos”. “Rejeitamos e condenamos este ato odioso.”, declarou.