Um casal gay de brasileiros foi agredido em Lisboa, Portugal, em frente a policiais, no último final de semana. Fabio Liebl e Victor Drummond foram atacados após recusarem drogas de quatro homens.

“Tudo porque ignoramos a oferta de venda de drogas de um grupo que fica deliberadamente ao ar livre fazendo isso. Na frente da polícia. E agredidos na frente dela. Que poderia tê-los prendido. Mas não os fez”, escreveu Drummond nas redes sociais. 

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

Ao site Dezanove, os brasileiros contaram que capturaram fotos dos suspeitos e que isso pode ter motivado as agressões. Os dois correram à polícia, que estava a cerca de 20 metros do local, mas nada foi feito.

Em entrevista ao Universa, Drummond disse que chegou a tentar chamar a atenção dos policiais, mas sem sucesso. “Foi muito pânico. Eu fiquei num fogo cruzado”, relatou.

VEJA TAMBÉM:  Big Brother Portugal pune participante por homofobia; público decidirá se ele sai ou não da casa

Foi aí que ele tentou afastar os agressores de seu marido. “A polícia veio caminhando”, lembrou Drummond. De acordo com o brasileiro, os suspeitos foram abordados, mas foram apenas notificados pela polícia.

Liebl ainda disse que o crime ocorreu durante o dia, na Praça do Comércio, um dos principais pontos turísticos de Lisboa. o amor de nossos amigos está nos ajudando a superar isso e a continuar na luta por dias melhores a todos”, escreveu.