Casais de gays e lésbicas australianos agora podem adotar crianças legalmente sem qualquer empecilho e em qualquer parte do país. A região norte da Austrália era a única região que ainda travava o progresso e igualdade no território do país.

Em uma medida histórica, esta semana, juízes acrescentaram às normas do NT Adoption Children Act (uma espécie de guia para adoção no país) a garantia de que casais do mesmo sexo possam adotar crianças legalmente.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

A decisão se deu depois do Parlamento australiano acolher a vontade popular que votou por plebiscito a legalização do casamento homoafetivo no país por 62% a 38% da população que era contra.

Sobre a medida, a Ministra de Famílias do Território Norte do país afirmou: “Crianças e famílias estão no coração do governo e sabemos que isso é importante e positivo para ambos. Por isso introduzimos a discussão desta lei no Parlamento.”

VEJA TAMBÉM:  Virgínia Ocidental (EUA) elege sua primeira autoridade trans

E continuou dando close certo: “Todos os casais independente de gênero, idade, sexualidade, que queiram genuinamente prover a uma criança amor, cuidado e segurança, devem ter garantido o direito de adotar. Modernizar nossas leis reflete a diversidade do território australiano e a realidade das famílias de hoje.”


Veja também:


Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 150 milhões de visualizações e 1 milhão de inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).