A partir do dia 1º de agosto de 2019, no estado da Pensilvânia, nos Estados Unidos, carteiras de motorista oferecem opções de declaração de neutralidade de gênero para pessoas trans não-binárias.

A partir de agora, motoristas poderão utilizar “X” para indicar gênero se assim se sentirem mais confortáveis. As regras já existentes do Departamento de Transporte da Pensilvânia (PennDOT) permitem que as pessoas transgênero alterem o gênero em suas habilitações, porém a decisão de oferecer uma opção neutra em termos de gênero – algo ainda pioneiro – dará uma maior flexibilidade.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

“Agradecemos o apoio às nossas comunidades e esperamos continuar avançando com políticas que protejam nossas comunidades transgênero e não-binárias”, disse Amanda Arbor, diretora executiva do Centro LGBT da Pensilvânia.

Em breve, O estado de Washington, também oferecerá a opção de gênero não-binária “X” às carteiras de motorista e outros documentos de identificação e se tornará o 17º estado dos EUA a adicionar a opção.

VEJA TAMBÉM:  Travestis vão cumprir pena em prisão feminina, determina ministro do STF

O governador do estado de Washington, Jay Inslee, disse que durante o mês de agosto acontecerá audiências públicas para discutir a etapa final do processo e que a mudança poderia ser implementada dentro de 2 meses, em outubro.

“Nós, como Departamento de Licenciamento [DOL], atendemos todos os residentes de Washington. E a carteira de motorista ou outros documentos de identificação emitidos pelo estado são seus principais documentos de identificação. Por isso, reconhecendo que existem mais de duas formas de gênero, estamos reconhecendo os direitos humanos básicos ”, disse Teresa Berntsen, diretora do DOL de Washington.

Maikon Stefan
Amante do teatro, tv e de Harry Potter, formado em Técnico em Administração e Bacharel em Ciência e Tecnologia (UNIFESP-SJC). Atualmente cursa Engenharia de Materiais (UNIFESP-SJC). Também foi Presidente da Empresa Júnior (Ectm Jr). "Me chama pra causar que eu vou".