Conforme já noticiamos aqui, na última semana, o ator Márcio Kieling
causou polêmica ao fazer postagens consideradas por muitos
internautas como homofóbicas, onde falava da torcida organizada gay
do Grêmio, a “Coligay”, de forma ofensiva.

Pois bem, como reconhecer o erro é um sinal de hombridade e
evolução, em contato com o jornalista Wandy Ribeiro, da página do
Instagram Infernet da Fama
, o ator reconheceu o erro e pediu
desculpas publicamente à comunidade LGBTQ.

Entre muitas coisas, o ator disse: “Peço desculpas, em nenhuma hora
quis ofender à comunidade LGBT. Tenho uma irmã gay, tenho vários
amigos e meu empresário também é. Assumo o erro!Me desculpe
você e a todas as pessoas que se sentiram ofendidas”, declarou.

E continuou: “Pedir desculpas era o mínimo que poderia fazer depois
de escrever as besteiras que escrevi! Queria zoar o torcedor do
Grêmio e acabei ofendendo uma legião de da qual tenho orgulho de
fazer parte. Orgulho, sim! A gente aprende e cresce com os erros! Errei e faço minha a culpa. Saiba que aprendi a lição”, disse Márcio
entre outras coisas.

E nós esperamos que ele realmente tenha aprendido com essa lição. A homofobia enraizada na sociedade torna muitos homofóbicos sem ciência do mal que estão perpetuando ao usarem sexualidade ou gênero como ofensa.


Assista também:


Colaboração: Wanderley Ribeiro

Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 100 milhões de visualizações e 800 mil inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).