Vivemos em um país onde a discriminação por orientação sexual ou identidade de gênero felizmente é crime, assim como seria discriminar qualquer pessoa quanto a raça, etnia, idade ou origem. Nada mais justo, né?

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

Mas aparentemente, para o apresentador da Band, Milton Neves, não funciona assim. Ele achou super engraçado compartilhar um meme extremamente ignorante e transfóbico em suas redes sociais no último dia 7 de dezembro.

Na imagem em questão, onde ele comenta “O médico e a sinceridade! É a vida!”, há a foto de uma mulher trans no médico e seguinte texto abaixo: “Senhor?”, “Sou Senhora Doutor”, “Ok, senhorita. O diagnóstico é câncer de próstata”.

Em um único tweet, o apresentador mostrou sua total ignorância no assunto da transexualidade e identidade de gênero (homem / mulher), que não diz respeito ao sexo biológico de uma pessoa apenas, mas também a características sociais, comportamentais e principalmente psicológicas desta pessoa, que não necessariamente diz respeito ao seu sexo biológico de seu corpo (masculino / feminino) ou gênero atribuído ao nascer.

Homens trans podem ter câncer de mama e de ovário sim, Milton Neves. Mulheres trans tem próstata. Lide com isso. Leia, aprenda, conviva com pessoas trans, aprenda a diferença entre sexo biológico, identidade de gênero e orientação sexual (que você também tem inclusive sendo um homem cisgênero e heterossexual). Um pouco de empatia e noção sempre faz bem!

Ao ser questionado por muitos LGBTs na Internet sobre sua “piada” extremamente insensível e transfóbicas, que só fomenta a transfobia que mata pessoas trans diariamente no Brasil (diga-se de passagem o país que mais mata transexuais no mundo), o apresentador nem sequer pediu desculpas pela insensibilidade (pra não escrotidão gratuita), mas simplesmente saiu bloqueando a tudo e a todos que o contrariavam nas redes sociais.

Como formador de opinião, pessoa pública e apresentador, a TV Bandeirantes deveria ter mais cuidado com as atitudes de seus contratados, principalmente quando se trata de um crime de discriminação praticado livremente logo no ano em que a LGBTfobia foi criminalizada. A atitude mostra não só a ignorância e falta de humanidade, mas também a total falta de sintonia do contratado da Band com os tempos atuais.

“Covarde é assim mesmo, não sustenta o que diz e ainda se protege. Milton Neves é ser das trevas, um bosta.”, “A desinformação das pessoas “com voz ativa” é assustador,  ou seraq fazem de maldade? V.A desse velhote” e “Esdrúxulo, baixo e um péssimo comunicador, por sinal. Mas ta numa emissora em que abafaram o assédio do Datena sobre a repórter dele (coagida a retirar a acusação) entao ta tudo certo”, foram alguns dos muitos comentários sobre o assunto nas redes sociais.

Até o momento, nem o grupo Bandeirantes e nem o apresentador se manifestaram sobre o caso.

Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 150 milhões de visualizações e 1 milhão de inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).