Após causar repercussão negativa ao tratar a homossexualidade como opção, a cantora Miley Cyrus usou o seu Instagram para explicar o verdadeiro significado da sua declaração. 

Ela ressaltou que ninguém pode escolher uma sexualidade e que a comunidade LGBTQ+ é a sua prioridade. 

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

“Eu estava falando sobre caras chatos, mas deixe-me ser clara, VOCÊ não ESCOLHE sua sexualidade. Você nasce do jeito que é. Sempre foi minha prioridade proteger a comunidade LGBTQ. Eu faço parte”, escreveu Miley. 

Na declaração anterior, a cantora acabou fazendo um comentário que gerou entendimento ambíguo. Algumas pessoas chegaram a dizer que Cyrus reforçou a ideia de que uma lésbica precisa de um homem para não gostar mais de mulheres. 

“Eu sempre pensei que tinha que ser gay, porque todos os homens eram maus, mas não é verdade. Eu só encontrei um [bom] e ele está nesta live”, falou Miley, que estava acompanhada do seu namorado, o cantor Cody Simpson. 

VEJA TAMBÉM:  Políticos conservadores culpam gays, drag queens e vídeo games por massacres nos EUA