Joseph Cohen, o diretor da escola Liberty High School, que fica na Virgínia, nos Estados Unidos, humilhou um aluno trangênero da instituição quando este ia ao banheiro.

Segundo a Wave 3 News, Joseph disse ao rapaz quando este deixava o banheiro: “Duvido você voltar e usar o mictório”, sugerindo que ele teria que fazer isso para provar ser um garoto.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

O diretor ainda tentou bloquear o caminho do estudante de volta a sala de aula, o provocando ainda mais.

Mesmo tendo mudado de escola após o acontecido, o garoto relata estar sofrendo com depressão, ansiedade e ataques de pânico após o episódio infeliz.

A American Civil Liberties Union (ACLU) tomou o caso para investigá-lo e cobrar das autoridades responsáveis uma reparação, alegando que o garoto sofreu transfobia na escola.

Por questões como essa, além de outras, mais da metade dos adolescentes trans tentam em algum momento da vida o suicídio.

VEJA TAMBÉM:  Disney, Unilever e Google se comprometem com direitos trans

“É um caso de vida ou morte e é hora das escolas da Virginia levarem a sério as questões LGBT”, disse a ACLU em um comunicado afirmando estar entrando em contato com a secretaria de educação local para levar a questão a frente, penalizando o diretor de alguma maneira.

Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 150 milhões de visualizações e 1 milhão de inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).