Os alunos de uma escola primária de Newcastle, no Reino Unido, deram sua própria lição de aceitação depois de fazer uma demonstração de apoio a um professor gay da instituição.

Estudantes da Escola Primária Hotspur, em Heaton, decidiram enfeitar os portões da escola com corações arco-íris depois que o professor Miles Wallis-Clarke foi alvo de pichações homofóbicas na semana passada.

A polícia está investigando o incidente como suspeita de crime de ódio. Mesmo assim, Wallis-Clarke ficou lisonjeado com o apoio obtido por alunos e também seus pais.

Ele disse ao The Chroncle: “Havia um grafite enorme pixado do lado de fora da escola que era muito pesado e homofóbico falando de mim. Tenho certeza que ele foi feito ali justamente para pais e alunos verem”, disse ele.

E continuou: “Sou gay, não escondo isso na escola, sou muito aberto e falo sobre isso. Estou na escola há 15 anos e nunca tive nenhum problema parecido.”

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

Ao saberem disso, alunos se reuniram para pendurar corações pintados com arco-íris pela fachada do colégio, em uma demonstração espontânea de apoio de alunos e pais da instituição. 

A Polícia de Northumbria está atualmente pedindo informações sobre o incidente homofóbico, que ocorre em um ano em que o ensino de lições inclusivas sobre LGBTQ sobre diversidade e aceitação nas escolas primárias dominou as manchetes.

“Ninguém deve ser vitimado por ser quem é e estamos levando esse incidente muito a sério – e tomaremos ações robustas contra os responsáveis”, disse a polícia sobre o caso à imprensa.

Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 150 milhões de visualizações e 1 milhão de inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).