Mais da metade, ou exatamente 63% dos católicos apoiam que fiéis LGBTs sejam aceitos pela igreja. Foi o que revelou um estudo realizado pela organização Equal Future.

Para os mais de 9 mil fiéis entrevistados em países como Brasil, Colômbia, França, Itália, México, Filipinas, Espanha e Estados Unidos, “a igreja deve reconsiderar seus valores e incluir questões atuais como a LGBT para ajudar o bem-estar e saúde mental de crianças e jovens LGBTs”.

O mesmo levantamento indicou que 49% dos pesquisados acreditam que o posicionamento negativo da igreja em relação aos LGBTs os prejudicam, fazendo com que se sintam errados ou culpados. Entre católicos não praticantes, a aceitação ainda cresce para 65%.

Tiernan Brady, que conduziu o estudo e dirige a Equal Future, falou sobre a pesquisa: “É importante constatar que a maioria quer que a religião se atualize e mude a maneira como encara estas questões. E este não é um pedido de mudança de fora da igreja, mas de seus próprios fiéis!”.

Assista também:

Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 100 milhões de visualizações e 800 mil inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).