Johnny Hooker, Liniker e Mulher Pepita são algumas das atrações da 1ª Marcha do Orgulho Trans de São Paulo que acontecerá no dia 1º de junho, sexta-feira, dois dias antes da Parada LGBT da cidade.

A iniciativa surgiu da iniciativa de grupo de amigos: Lam Matos, Tiely Queen, Pri  Bertucci e Lorenzo Lang com o objetivo de dar maior visibilidade a pessoas trans dentro do meio LGBT.

“Nós temos um espaço na Parada, mas é um espaço pequeno e não conseguimos expor todas as nossas demandas. Fora isso, nos espaços de decisão pública sempre somos silenciados. É uma vida sendo jogada pra baixo do tapete, e não é isso que queremos, precisamos mostrar que temos vida, que somos fortes e temos demandas que precisam ser debatidas de forma urgente”, explica Lorenzo Lang, um dos organizadores.

Atualmente, a Parada do Orgulho LGBT de São Paulo é composta de uma programação extensa com diversas atividades sócio-culturais na defesa do combate à homofobia. O próprio evento já foi realizado no mês de maio em que é comemorado o Dia Internacional do Combate à Homofobia, 17 de maio, passando a ser realizado no mês em que se é comemorado do Dia Internacional do Orgulho LGBT, 28 de junho.

“A simples mudança de datas não significa uma real mudança. A vulnerabilidade de travestis, transgêneros e transexuais é uma das mais fortes e invisibilizadas quando postas à mesa de debates em conjunto com os outros grupos da comunidade de LGBT. A própria precarização de dados e políticas públicas para este grupo já é um indício de seu silenciamento político, social, cultural, de direitos e cidadania”, diz a nota divulgada pela organização da Marcha.

Vale lembrar que o Brasil é país que mais mata e mais procura transexuais na Internet, segundo o  levantamento recente realizado por um dos maiores portais de conteúdo adulto da Internet.

1ª Marcha do Orgulho Trans de São Paulo começará as 14h do dia 1º de junho com concentração no Largo do Arouche e todos estão convidados. Para participar ser voluntário ou conferir a programação do evento acesse: orgulhotrans.com.br

Assista também:

Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 100 milhões de visualizações e 800 mil inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).