O governo do Mato Grosso do Sul anunciou a criação  do Comitê Técnico de Saúde Integral da População de Lésbicas, Gays, Bissexuais e Transexuais (Comitê Técnico LGBT).

A pasta será responsável por garantir políticas públicas voltadas a saúde da população LGBTQIA+.

Mato Grosso do Sul amplia ações de saúde para população LGBTQIA+ (Foto: Pixabay)
Mato Grosso do Sul amplia ações de saúde para população LGBTQIA+ (Foto: Pixabay)

O comitê trabalhará de forma conjunta com a Secretaria de Estado de Saúde para assegurar acesso e qualidade da atenção à saúde da população LGBTQIA+, bem como o combate à homofobia, lesbofobia, bifobia e transfobia.

“Essa pauta é uma questão que sensibiliza a gestão estadual por reconhecer as adversidades enfrentadas pela população LGBT, tanto que foi criada uma área específica:  gerência de equidade em saúde, para estar à frente das ações de maneira intersetorial”, explica Fernanda Cristina Rodrigues, Coordenadora Estadual de Gestão Estratégica Descentralizada.