Ivy e Terry Rebel se casaram em uma belíssima e sombria cerimônia gótica. Após postarem o álbum de casamento nas redes sociais, o casal viu suas fotos viralizarem na rede e inspirarem centenas de outros casais por aí.

Nas fotos, que foram parar em diversos sites internacionais, as duas aparecem em elegantes vestidos pretos. Ivy destaca sua maquiagem combinando com seu cabelo azul, enquanto Terry aposta em uma coroa de cristais vermelhos. As tatuagens e rendas ajudam a compor um look gótico e punk.

Nem as madrinhas de casamento escaparam de usar preto no dia do casório, que também contou com uma decoração que parecia ter saído de uma festa de halloween. Caveiras nas mesas, velas pretas e até uma estante no formato de caixão teve.

Tudo isso pra criar o casamento perfeito para as duas que, em entrevista à Out Magazine, contaram que preto é a cor mais presente no guarda-roupa do casal e que o tema gótico sempre esteve presente no relacionamento. Mesmo não sabendo como a família e os convidados iriam reagir, elas decidiram ir em frente e realizar a cerimônia que queriam.

Quando nosso casamento se tornou viral, ficamos empolgadas ao ver um apoio tão positivo ao nosso relacionamento e ao nosso casamento (…) Muitas pessoas disseram que isso as inspirou a ter um casamento em que pudessem ser elas mesmas e sair um pouco da caixinha tradicional“, explica Terry.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

Agora, poucos meses após oficializarem a união, Ivy e Terry se preparam para mais um momento importante da vida: a chegada de um bebê.

Em entrevista ao site Inked Mag, o casou contou que começou a pesquisar sobre inseminação intra-uterina poucas semanas após o casamento. Ivy foi inseminada no dia de seu aniversário e, recentemente, elas anunciaram no instagram a chegada da criança para o primeiro semestre de 2020.

Questionadas sobre o quão animadas estavam para o “novo membro gótico da família”, Terry respondeu que está animada para ensinar seu filho a “ser um ser humano incrível” e Ivy contou que quer ensina-lo a “seguir seus sonhos e ser quem ele deseja ser“.

Ah, e claro, ambas responderam que estavam loucas para vestir a criança “com roupas góticas fofas“.