Mais tristeza de Puerto Vallarta. Três turistas morreram nas últimas horas de 2020 e nas primeiras horas de 2021, informa o Queerty. Primeiro, um casal gay de Salt Lake City que estava de férias na cidade litorânea mexicana foi encontrado morto em suas camas na véspera de Ano Novo.

Dustin Terry Childs, de 35 anos, e Austin Jordan Hales, de 32, foram encontrados por volta das 22h25 em 31 de dezembro em seu condomínio na Zona Romantica, bairro gay perto de Playa Los Muertos.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

Segundo informações de um site local, a causa não oficial da morte de ambos os homens é overdose de drogas, embora eles ainda estejam aguardando os resultados da autópsia.

Childs trabalhava por conta própria e, Puerto Vallarta. Além de trabalhar com influenciadores de mídia social, ele promoveu suplementos dietéticos e produtos de cuidados pessoais. Enquanto isso, Hales era representante de suporte técnico em uma empresa de software automotivo e serviços online, de acordo com sua página no Facebook.

VEJA TAMBÉM:  Rapper gay Kevin Fret, é morto a tiros em Porto Rico

Poucas horas depois de Childs e Hales serem declarados mortos, outro turista foi encontrado morto em um hotel a cerca de três quilômetros. Por volta das 4h30 do dia 1º de janeiro, paramédicos foram chamados ao Sheraton Bouganvilla depois que um homem caiu de uma varanda do quinto andar.

O homem foi posteriormente identificado como Kevin Page e teria entre 40 e 50 anos de idade. Quando os paramédicos chegaram ao local, eles encontraram Page deitado no chão perto da piscina. Ele não tinha sinais vitais.

Page, Childs e Hale foram levados ao mesmo necrotério de Puerto Vallarta, onde seus corpos estão esperando para serem reclamados por parentes. A família de Childs lançou uma página de arrecadação de fundos para ajudar a cobrir os custos dos serviços funerários.