O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, realmente não sabe lidar com a derrota.

Sem qualquer compromisso com a verdade e desesperado, o político republicano desencadeou uma série de ataques a celebridades de Hollywood que apoiaram o democrata Joe Biden, que acabou sendo eleito 46º presidente dos Estados Unidos, conquistando além dos mais de 270 delegados necessários pra isso, mais de 4 milhões de votos que Trump na escolha popular.

“Eles tem a Lady Gaga, disse o o político ao público em discurso na semana passada. Em seguida ele começou a jogar indiretas atacando a cantora: “Lady Gaga … não é muito boa”. E emendou em seguida: “Eu poderia te contar muitas histórias dela…”.

Lady Gaga já protestava contra Trump desde 2016 (Foto: Reprodução / Twitter)
Lady Gaga já protestava contra Trump desde 2016 (Foto: Reprodução / Twitter)

Curiosamente, mais uma vez, o derrotado nas urnas faz uma acusação sem provas, igualzinho agiu em relação ao resultado dos votos nas eleições. O presidente não explicou “qualquer história” que saiba sobre Lady Gaga ou apresentou qualquer evidência.

Surreal, né? Pior ainda são seus apoiadores aplaudindo esse show bizarro de mentiras. Assista ao momento no vídeo abaixo:

Mas nada surpreendente vindo de Trump, que como disse o jornalista Guga Chacra, é uma das figuras mais mimadas, mentirosas e narcisistas do planeta.

E claro que o mimimi do republicano não veio à toa. Pouco antes, Lady Gaga postar uma foto com Biden. Na publicação, ela escreveu: “Aqui estou eu na Pensilvânia, quando vivia em Lancaster. Amo este Estado! Estou aqui agora! Este lugar é cheio de pessoas com coração bom! Pessoas que Joe Biden ama e das quais é grande amigo. Ele é o presidente que este país precisa pra nos unir novamente.”

Lady Gaga não é a única celebridade a ser atacada nessa. Em seu comício em Scranton na última segunda-feira, o político republicano também atacou o casal do pop Jay-Z e Beyoncé.

“Eles pegaram Beyonce e Jay-Z, certo? Jay-Z, e ​​ele começou a usar a palavra F, você se lembra, na frente dessa multidão e foi inacreditável. Ele começou a usar a palavra F, palavra F, palavra F, palavra F ”, disse Trump disse aos apoiadores, que por sua vez parecem se esquecer que usar um palavreado educado também não é o forte de seu ‘mito’.

No Twitter, o momento ainda virou chacota pelo presidente norte-americano derrotado nas urnas pronunciar “Beyonce” errado. Assista abaixo:

Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 150 milhões de visualizações e 1 milhão de inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).