Lucy Clark, uma mulher transgênero de 46 anos, se tornou a primeira árbitra transgênero do mundo no último domingo (19).


Assista também:


Antes conhecida como Nick, ela admitiu em entrevista ao tabloide inglês Sunday Mirror que seu principal medo era uma possível reação negativa da torcida após sua transição de gênero, o que pelo menos nesta primeira partida, felizmente não aconteceu.

“Espero que me aceitem pelo que sou. Com jogadores posso lidar. Minha função é dar cartões vermelhos ou amarelos pra eles. Meu medo é surgirem problemas com torcedores. Estou me preparando para os comentários depreciativos”, disse ela.

Lucy, também taxista e casada com sua esposa Avril. Foi 18 anos atrás que, em uma noite de bebedeira, Lucy, que era o homem Nick na época com quem Avril se casou, contou para a esposa que era na realidade uma mulher presa no corpo de um homem.

Lucy e sua esposa.

A esposa a apoiou desde então até a decisão da mudança de gênero que se deu tempo depois. Juntas, elas tem três filhos.

Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 100 milhões de visualizações e 800 mil inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).