Em um post no Reddit, um pai compartilhou como, durante a quarentena do coronavírus, descobriu que seu filho de 20 anos é gay.

O jovem estuda em uma universidade distante da cidade natal e divide apartamento com um “amigo”. Quando o isolamento social foi decretado, o menino perguntou ao pai se podia passar a quarentena em casa e levar o “amigo” junto.

Durante o período isolados, o pai começou a duvidar se a relação do filho com o amigo era só amizade ou se tinha algo a mais. “Eu tinha uma suspeita muito forte, desde a adolescência dele, de que meu filho era gay. Agora tenho mais ou menos a confirmação de que isso é verdade e que seu ‘amigo’ é, na verdade, seu namorado”, escreveu no Reddit pedindo a opinião dos usuários do fórum online.

Entre as evidências encontradas de que os dois eram um casal, o pai os via fazendo “coisas de casal”, ouviu o amigo se referir ao filho como “bebê” e “querido”, e os flagrou abraçados assistindo a um filme.

Mas o fator principal, que  tirou a dúvida, foi quando descobriu que o amigo não estava dormindo no quarto de hóspedes, como tinha sido o combinado inicial. “Em uma manhã, eu abri a porta do meu filho para dar uma olhada nele dormindo, como costumava fazer quando ele era criança. Bem, não posso dizer que foi uma baita surpresa quando vi o amigo lá com ele”, revela.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

O incidente apenas confirmou a dúvida de que seu filho e o amigo estão em um relacionamento. Apesar disso, o pai disse que não havia mencionado a nenhum deles, pois não os queria deixá-los desconfortáveis. Por isso, foi até os usuários do Reddit pedir conselhos sobre como poderia dizer ao filho que ele o aceita e está bem com eles sendo um casal.

“Quero que eles se sintam confortáveis ​​aqui e que eles saibam que eu os apoio, não importa o quê. Ou isso não é uma boa ideia? É melhor deixá-lo sozinho e esperar até que eles me digam?”, questiona o pai, que ainda afirma não querer “forçar nenhum deles a sair do armário”, mas também tem medo de que eles sintam que estão sendo forçados a se esconder.

Os usuários do Reddit pediram que o homem conversasse com o filho e deixasse claro ao jovem que o amava e apoiava, independente. Postando o desenrolar do relato, o pai disse que acatou as recomendações e sentou para conversar e o filho confirmou o namoro.

“Ele imaginou que eu sabia, mas nenhum de nós queria dar o primeiro passo, porque não queríamos tornar o clima do ambiente estranho”, contou.

Deste modo, e sem traumas, os dois finalmente puderam abordar o assunto e o filho, é claro, ficou surpreso e feliz de saber que seu pai continua o amando e apoiando da mesma forma que antes.

E é assim que deveria ser sempre com toda família que tem um filho LGBT, não é mesmo? Que este relato sirva de inspiração e exemplo!

Créditos da foto: freepik – br.freepik.com