A desistência do agora ex-deputado Jean Wyllys em assumir seu novo mandato e morar no Brasil, preferindo justamente poupar sua vida a enfrentar ameaças diárias de morte dos mesmos integrantes de milícias que mataram a vereadora Marielle Franco, pegou todos de surpresa.

Sua ausência como representante LGBT será sentida no Congresso principalmente em pautas que defendem direitos das minorias. Mas felizmente, o suplente que ocupará a sua vaga como deputado, também nos representa muito bem.

Se trata de David Miranda, que abrirá mão de seu cargo como vereador no Rio para assumir a vaga deixada por Jean de deputado federal em Brasília.

Ele próprio se intitula como “o primeiro vereador assumidamente LGBT do Rio”, cresceu na favela do Jacarezinho sem nunca ter conhecido seu pai e tendo ficado órfão de sua mãe aos 5 anos de idade.

Atualmente o vereador e suplente de Jean é casado com o jornalista americano Glenn Greenwald, com quem tem dois filhos adotivos: João e Jonathan.

VÍDEO NOVO DO PÕE NA RODA:

Pra quem não sabe, Glenn Greenwald ganhou notoriedade após a divulgação do caso Edward Snowden, que denunciava programas de espionagem dos Estados Unidos contra empresas e lideranças de outros países, entre eles, o Brasil. O trabalho lhe rendeu, em 2014, o Prêmio Pullitzer – maior premiação do mundo de jornalismo.

Dentre os principais projetos já defendidos por David Miranda em seu primeiro mandato como vereador no Rio, estão direito a uso de nome social por travestis e transexuais na administração pública do Rio, o direito a utilização de sanitários de acordo com identidade de gênero, a inclusão do Dia Municipal de Luta Contra o Encarceramento da Juventude Negra no calendário oficial da cidade, direito a meia entrada para funcionários da Companhia Municipal de Limpeza Urbana em lugares que promovam lazer e cultura, a criação do Museu da Cultura LGBT afim de preservar a nossa história e identidade tantas vezes invisibilizada ao longo da História, dentre muitas outras propostas. Conheça todas aqui.

Assim como Jean, além de ser um dos poucos LGBTs assumidos na política brasileira, David também era muito amigo da vereadora assassinada Marielle Franco.

Sobre sua nova empreitada como deputado ocupando a vaga de Jean, ele afirmou: “Iremos com tudo para Brasília. Nossas bandeiras serão defendidas com o amor e comprometimento de sempre. Meu sonho é uma sociedade mais justa, e menos intolerante. Nenhum governo calará nossas vozes”.

Boa sorte, David!

Vale lembrar que a vaga deixada por David na Câmara dos Vereadores do RJ ficará com seu suplente, Dr. Marcos Paulo (PSOL-RJ), médico cirurgião geral e que tem como uma de suas principais bandeiras, a causa animal.

Avatar
Criador Põe na Roda, canal do youtube de humor e informação LGBT desde 2014, com mais de 100 milhões de visualizações e 800 mil inscritos. Autor do livro "Um Livro Pra Ser Entendido", que desmistifica questões do mundo gay e sobre ser LGBT para todos os públicos. Também foi roteirista de TV (Amor & Sexo, Adnight, CQC, Furo MTV) e colunista (Folha de S. Paulo).